}); PORTAL ORÓS: Fevereiro 2019

quinta-feira, 28 de fevereiro de 2019

Orós: ONG Anjos de patas comemora 1 ano de amor e cuidados aos animais abandonados



Inscreva-se em nossos canais no You Tube

Orós e toda região em destaque no programa HORA DA NOTÍCIA, desta quinta 28/02/19 com Josemberg Vieira


DESTAQUES DE HOJE:

Bronca do povo: Moradores da Isaac Cândido Martins reclamam de buracos causado por obras; Orós: Prisão por tentativa de estupro, desacato e desobediência; Campanha dos laranjas – 16 candidatas no Ceará receberam R$ 2,6 milhões e só obtiveram 7,5 mil votos; Ceará teve 25 prefeitos afastados e oito cassações; Plano Operacional de Segurança para o Carnaval 2019 no Ceará vai contar com 6.398 agentes; Médico é preso suspeito de jogar pedra em cabeça de bebê no Ceará essas e outras para você ficar bem informado!

Seja o nosso repórter envie sua matéria (88) 9.9422.0106 - SIGA, CURTA, COMPARTILHA! OBRIGADO.


Instagram Josemberg Vieira: https://instagram.com/josembergvieira?utm_source=ig_profile_share&igshid=1vrif50yxvl10

Canal Josemberg Vieira: www.youtube.com/Josembergoros

Canal do Portal Orós: https://www.youtube.com/channel/UCiypqX4tErKL8FY3MvGFYww

Página: https://www.facebook.com/portaloros

Site: www.portaloros.com.br

Orós: Prisão por tentativa de estupro, desacato e desobediência


No dia 27/02/2019, por volta das 10h30min, os policiais militares do Destacamento de Orós foram chamados por popular pois, segundo ele, a pessoa de CARLOS ANDRÉ, 39 anos, havia agarrado sua filha V.R.R.S, 15 anos, a força.

Os policiais foram ao local e ao chegarem o acusado empreendeu fuga, porém a equipe conseguiu capturá-lo. Durante a prisão, o mesmo desacatou e desobedeceu aos policiais. O acusado foi conduzido à delegacia municipal de Orós/CE onde foi autuado pelos crimes de tentativa de estupro, desacato e desobediência.


Fonte: Quartel do 10º BPM, Iguatu – CE, 28 de FEVEREIRO de 2019.  3º SGT PM VILSON / SD PM LEONARDO

Bronca do povo: Moradores da Isaac Cândido Martins reclamam de buracos causado por obras



WhatsApp do Povo 88.9 9422.0106 recebeu de um leitor da Rua Isaac Cândido Martins, um vídeo que mostra os buracos causados devido a uma obra da Prefeitura de Orós (projeto cidade digital do governo do federal), de acordo com o morador os buracos a cada chuva estão aumentando, esse problema já se arrasta por 2 meses e os moradores estão sendo prejudicados e querem uma solução por parte da prefeitura ou empresa responsável pela obra.

Campanha dos laranjas – 16 candidatas no Ceará receberam R$ 2,6 milhões e só obtiveram 7,5 mil votos


Candidatas à Assembleia do Ceará pelo MDB, Professora Leila e Dra. Zuíla tiveram uma das piores relações custo/benefício da disputa na história: mesmo recebendo R$ 772,7 mil dos partidos, elas tiveram, juntas, só 653 votos. Junto com as emedebistas, outras 14 candidatas no Estado acumularam quase R$ 2,6 milhões em recursos públicos e tiraram apenas 7,5 mil votos – cerca de um quarto do quociente para eleger um vereador de Fortaleza.

A informação tem base em levantamento do O POVO em dados do Tribunal Superior Eleitoral (TSE). Segundo a Justiça, 16 candidatas de dez partidos receberam mais de R$ 50 mil das siglas – sempre via fundo eleitoral ou partidário – e não tiveram sequer mil votos. Em sete desses casos, repasses foram superiores a R$ 100 mil.

As ocorrências surgem no momento em que o Ministério Público Federal (MPF) investiga a existência de candidatas “laranjas” por todo o Brasil. Como o fenômeno “alto custo/poucos votos” praticamente não existe entre homens, a suspeita é que candidaturas sejam criadas para burlar lei que obriga chapas eleitorais a terem composição no mínimo 30% feminina.

A mesma legislação também prevê cota feminina de 30% para investimentos dos fundos eleitoral e partidário. Nos casos de repercussão nacional, a suspeita da Justiça é de que parte das verbas enviadas para candidatas teria sido destinada para outros fins que não o financiamento das campanhas.

Procuradas pelo O POVO, Professora Leila e Dra. Zuíla não quiseram falar sobre a verba que receberam do MDB. As duas, no entanto, se mostraram bastante surpresas com o valor exibido no portal do TSE. “Eu recebi isso aí? Você tá.. (risos) você tá muito mal informado”, diz Zuíla. Já Leila afirma ter recebido R$ 250 mil, e não os R$ 397 mil que ela própria teria declarado à Justiça.

Secretário-geral do MDB do Ceará, João Melo disse que a escolha do partido em priorizar as duas ocorreu com base no “potencial” demonstrado por ambas em eleições anteriores. “Esses nomes (Leila e Zuíla) vêm aparecendo sempre, você pode fazer uma pesquisa regressiva, e esse pessoal tem demonstrado um potencial que a gente acreditaria que tinha tendência de melhorar”, diz.

A justificativa é meia-verdade: as duas já haviam disputado eleições antes, mas ambas tiveram desempenho bem distante da excelência. Professora Leila, por exemplo, só havia disputado cargo de vereadora de Eusébio em 2016, mas teve a candidatura indeferida na Justiça. Já Zuíla concorreu a deputada estadual em 2014, gastou R$ 700 e teve apenas 146 votos.

“Há também uma dificuldade nacional, que é algo que tem em todos os partidos, que é a de compor quadro de mulheres candidatas”, diz João Melo. Ele também atribui parte do fracasso das duas à “situação estranha” da política nacional. “Partidos como o PT, MDB, e outros mais que estavam no governo, todos foram olhados com muita reserva”, diz.

Os casos são semelhantes ao de Débora Ribeiro dos Santos, que teve investigação aberta pelo MPF após receber R$ 274 mil do fundo eleitoral e obter apenas 47 votos. Conforme série de reportagens do O POVO revelou, a candidata é cunhada do deputado federal Vaidon Oliveira (Pros) e teria contratado cerca de 140 pessoas para campanha com sinais de ser de fachada – algumas delas ex-funcionários de Vaidon.

Outra candidatura alvo do MPF é a de Gislani Maia, que concorreu a deputada estadual pelo PSL. Conforme reportagem do jornal O Globo revelou, ela recebeu R$ 150 mil do partido a dois dias do 1º turno e, no mesmo dia, declarou gastos de R$ 143 mil em três gráficas. Ela nega quaisquer irregularidades.


O POVO

Ceará teve 25 prefeitos afastados e oito cassações


Nos últimos três anos, o Ceará afastou 25 gestores públicos das administrações municipais. Em oito casos, o Tribunal Regional Eleitoral cassou os mandatos dos titulares e/ou da chapa majoritária. As denúncias, que motivaram as decisões judiciais de afastamento, são da Procuradoria de Justiça dos Crimes contra a Administração Pública (Procap). Em praticamente todos os casos, elas indicam o crime de improbidade administrativa, que é a utilização irregular do dinheiro público.

As informações têm como base relatórios do MPCE e do TRE-CE solicitados pelo Núcleo de Dados do Sistema Verdes Mares. O índice de afastamento foi maior no ano de 2016 - período eleitoral. Na quase totalidade dos casos, gestores infringem regras estabelecidas pela Lei de Responsabilidade Fiscal (LRF) e utilizam a máquina pública em benefício eleitoral próprio na disputa pela reeleição. A contratação de servidores, por exemplo, é uma das irregularidades mais frequentes pelo Interior cearense.

São os casos envolvendo os municípios de Mauriti, Paramoti, Parambu, Santana do Cariri e Cascavel. A aquisição excessiva de funcionários terceirizados, além de infringir o que rege a LRF, causa transtorno ao gestor e prejuízo aos profissionais que deixam de receber os pagamentos, em meio à crise financeira. Foram casos assim que contribuíram no afastamento dos gestores de Canindé e Missão Velha.

Em muitas situações, o prefeito afastado conseguiu voltar ao cargo após recorrer judicialmente. Os casos são julgados na primeira instância e encaminhados para o TRE-CE, mas podem parar ainda no Tribunal Superior Eleitoral (TSE), caso não haja entendimento local quanto à denúncia.

Exemplo emblemático é o do ex-prefeito de Baturité, João Bosco Pinto Saraiva (Pros), que chegou a ser afastado judicialmente do posto três vezes no mandato passado. A então vice-prefeita do Município, Cristiane Braga, rompida com o titular, assumia a Prefeitura nessas situações.

O Ministério Público Estadual denunciou, à época, indícios de fraudes em licitações, apropriação de bens, desvios de verbas públicas e uso político da administração municipal. A população sentia, na rotina, as consequências da mudança dos gestores em período curto de tempo, com a paralisação de diversos serviços públicos.

Em praticamente todas as cassações firmadas pelo Tribunal, gestores confundiram o cargo público e agiram como se as prefeituras fossem de propriedade particular. O diagnóstico de abuso de poder econômico foi a motivação para as cassações dos gestores de Aracoiaba e Tianguá. Em Tianguá, as contas chegaram a ser rejeitadas. Em Umari, a compra de votos resultou na mudança de gestor.

Investigações

De acordo com a coordenadora da Procap, a procuradora de Justiça Vanja Fontenele, o processo de investigação é iniciado por diversas frentes. "Pode ser por demanda, por observação do portal da transparência e pode ser também através da mídia", explica.

A provocação ao Ministério Público pode ser feita por qualquer cidadão, e de forma anônima. Fontenele lamenta que o número de afastamentos de gestores tenha ganhado uma curva ascendente nos últimos anos. Enquanto as técnicas de investigação avançam, o modelo de corrupção também ganha novos contornos. "Exemplo disso é uma Prefeitura que criou uma licitação muito genérica às portas da eleição com um contrato para serviços diversos no valor de R$ 10 milhões", pontuou.

De acordo com a coordenadora, porém, as licitações não são mais fatores de irregularidades, mas sim a execução do serviço. "Vou fazer uma hipótese: tantos quilômetros de estrada estão na licitação para ser construída, sempre é entregue uma quilometragem menor. A execução do serviço não é integral. São acordos feitos antes da licitação. A gente tem que detectar qual é a carta marcada. São sofisticações. Quanto mais sofisticada é a fiscalização, mais sofisticada é a ilicitude", afirma.

Além das investigações com caráter punitivo, porém, órgãos como a Associação dos Municípios do Estado do Ceará (Aprece) e o Tribunal de Contas do Estado (TCE) promovem ações de esclarecimento e formação de gestores para o uso do recurso público.

Iniciativas

Nos casos que não têm relação direta com a corrupção, as irregularidades podem surgir por desconhecimento do uso da máquina pública. A diretora executiva do Instituto Plácido Castelo (IPC), da Corte de Contas, Hilária Barreto, explica que "o Tribunal não é apenas um órgão punitivo, é também orientador e pedagógico para melhor os gestores exercerem as suas funções".

O presidente da Aprece, Nilson Diniz, lamenta o alto índice de irregularidades e pontua que a entidade tem trabalhado para mostrar outros caminhos de administração pública. "A gente lamenta e tem procurado trabalhar mostrando o caminho que é possível dentro das gestões públicas", diz. Diniz argumenta que um dos maiores problemas nas administrações é a pouca capacitação dos servidores.


Fonte: Diário do Nordeste

Médico é preso suspeito de jogar pedra em cabeça de bebê no Ceará


O médico suspeito de jogar uma pedra na cabeça de um bebê de 1 ano foi preso na manhã desta quinta-feira (28), no Crato, na região do Cariri cearense. A agressão ocorreu após uma discussão entre ele e o pai da criança. O bebê sofreu traumatismo craniano e está internado há nove dias.

A agressão aconteceu no último dia 19 de fevereiro. Em depoimento na Delegacia Regional do Crato, o pai da criança informou que foi com a esposa e o filho a uma propriedade fazer uma cobrança de uma dívida no valor aproximado de R$ 1 mil, referente a serviços prestados ao suspeito, o médico e empresário. Por causa da dívida, os dois discutiram e entraram em luta corporal.

Ainda conforme o depoimento, o médico pegou um pedaço de madeira e espancou o pai da criança, que reagiu ferindo-o com um canivete. A esposa da vítima, ao ver a discussão, se aproximou dos dois com a criança nos braços. Foi quando o médico atirou uma pedra que acabou atingido a cabeça do bebê.

O pai relatou ainda que, ao virar as costas para socorrer o filho, foi atingido por trás com uma paulada um choque de taser elétrico. Mesmo assim, ele conseguiu correr para o carro com a mulher e levaram o bebê para um hospital em Barbalha.

Desde então, o bebê foi submetido a pelo menos duas cirurgias, a última na noite desta quarta-feira (27), e está em coma induzido.

Festa de aniversário
A festa de aniversário de um ano da criança estava marcada para o dia seguinte, segundo relato prestado à polícia. Os pais também disseram que passaram sete anos tentando gerar a criança. O bebê continua internado na Unidade de Terapia Intensiva da Maternidade de São Vicente, em Barbalha.

O mandado de prisão foi expedido na noite desta quarta-feira (27) e a prisão realizada nesta quinta-feira, quando o médico estava fazendo exercícios físicos em uma academia do Crato.

O suspeito vai ser ouvido e deve responder por lesão corporal grave e tentativa de homicídio, de acordo com o delegado Diogo Galindo, responsável pelo caso. Ainda segundo Galindo, o médico não esboçou nenhuma reação durante a prisão e foi conduzido "com muita tranquilidade, pois havia muitos populares".


Por G1 CE

Plano Operacional de Segurança para o Carnaval 2019 no Ceará vai contar com 6.398 agentes


O efetivo Operacional de Segurança para o Carnaval 2019 no Ceará vai contar com 6.398 agentes de segurança pública em todas as regiões do Estado. Segundo a Secretaria da Segurança Pública e Defesa Social (SSPDS-CE), houve um aumento de 7,47% do efetivo em relação ao ano passado, quando trabalharam 5.500 agentes de segurança.As informações foram divulgadas durante coletiva na manhã desta quinta-feira (28).

Comporão o efetivo 5.500 policiais militares, 247 policiais civis, 530 bombeiros militares, 63 servidores da Perícia Forense do Estado do Ceará (Pefoce) e 58 servidores da SSPDS em cada dia da operação. As ações terão início às 18 horas desta sexta-feira (1º) e se estenderão atè as 6 horas da Quarta-Feira de Cinzas (6).

A operação ainda mobilizar equipes em solo, no mar e no ar 24 horas por dia, de acordo com a secretaria.

Torres elevadas
A estrutura para a segurança contará ainda com duas Plataformas de Observação Elevadas, cada uma com 14 câmeras instaladas em uma torre 15 metros de altura. Além disso, atuarão durante os dias de carnaval cinco aeronaves, incluindo o serviço de resgate aeromédico, nas quatro bases da Ciopaer em Fortaleza, Juazeiro do Norte, Sobral e Quixadá.

Delegacias plantonistas

A Polícia Civil do Estado do Ceará (PCCE) vai ampliar o atendimento à população durante o feriadão. As delegacias regionais de Aracati, Camocim e Jijoca de Jericoacoara, que já funcionam em esquema de 24 horas, receberão reforço extraordinário. Já as delegacias de Arcopiara, Beberibe, Guaramiranga, Icapuí, Jaguaruana, Paracuru, São Benedito e Várzea Alegre vão funcionar provisoriamente 24 horas para atender à demanda de turistas que irão para esses municípios. Na Capital o 2º e 34º Distritos Policiais também vão contar com policiais civis extras.

Os números da Pefoce na Capital, Sobral, Juazeiro do Norte, Canindé, Quixeramobim, Iguatu, Tauá e Russas vão atuar com efetivo diário de 63 servidores. As cidades de Aracati e Guaramiranga também contarão com efetivo de peritos no Carnaval devido ao fluxo elevado de pessoas previsto para o feridão.

“Uma nova preocupação”, segundo o secretário André Costa, surgiu com a aprovação da Lei da Importunação Sexual, no ano passado. Ele afirma que os agentes da segurança pública foram treinados para atender melhor a possíveis ocorrências no Carnaval. “As delegacias da Polícia Civil também estão sensibilizadas para entender o que configura esse crime, como beijos roubados, atos libidinosos e passadas de mão”, informou a delegada Rena Gomes, do Departamento de Proteção de Grupos Vulneráveis (DPGV).

Estradas

Nas estradas estaduais, serão mobilizados 573 policiais militares lotados no Batalhão de Polícia de Trânsito Urbano e Rodoviário Estadual (BPRE), que atuarão em parceira com o Departamento Estadual de Trânsito do Ceará (Detran-CE), que vai disponibilizar 180 agentes para reforçar as ações de fiscalização, 75 postos avançados, 48 motos, 20 guinchos e 46 viaturas. As estradas cearenses serão monitoradas 24 horas por dia com auxílio da Coordenadoria Integrada de Operações de Segurança (Ciops), em Fortaleza, e nos municípios que contam com equipamentos de videomonitoramento.

Fonte: Diário do Nordeste

quarta-feira, 27 de fevereiro de 2019

CLIPE OFICIAL - Não é Fake News (Dorinha) - Leonardo de Luna

Ai Dorinha... Que bom que conquistou todo o BRASIL. 
🎬 CLIPE OFICIAL - Não é Fake News (Dorinha) -  Leonardo de Luna.

 Dê um LIKE 👍 e se inscreva no CANAL😉.
Link para assistir o CLIPE 👇👇👇👇




Orós e toda região em destaque no programa HORA DA NOTÍCIA, desta quarta 27/02/19 com Josemberg Vieira


DESTAQUES DE HOJE:

Acopiara:   Prisão por homicídio e demais ocorrências policiais da região; Enel retira fiação de telecomunicação e deixa usuários sem internet em Quixadá e Quixeramobim; Mega-Sena acumula e prêmio soma R$ 46 milhões; MPCE encontra irregularidades em todos os Centros de Treinamento de Futebol da Capital; Ambulância tomba e deixa paciente e acompanhantes feridos; suspeito de matar ex-namorada chega ao Ceará; Professores de 53 município inclusive Orós terão reajuste salarial essas e outras para você ficar bem informado!

Seja o nosso repórter envie sua matéria (88) 9.9422.0106 - SIGA, CURTA, COMPARTILHA! OBRIGADO.


Instagram Josemberg Vieira: https://instagram.com/josembergvieira?utm_source=ig_profile_share&igshid=1vrif50yxvl10

Canal Josemberg Vieira: www.youtube.com/Josembergoros

Canal do Portal Orós: https://www.youtube.com/channel/UCiypqX4tErKL8FY3MvGFYww

Página: https://www.facebook.com/portaloros

Site: www.portaloros.com.br

Acopiara: Prisão por homicídio


Informo a vossa senhoria que hoje 26/02/2019, por volta das 14h00min a Policia Militar foi informada via 190 que o acusado do homicídio ocorrido ontem no distrito de São Paulinho estava escondido numa casa, localizada no sitio Baixio dos Duarte, região de Trussu a 50km da cede deste município.

De pronto A VTR 10331 composta pelos policiais; Sgt 16112 Barbosa, Sd 25473 Ramon e Sd 29906 Izael compareceram ao local e identificara a casa e conseguiram fazer o cerco e prender a pessoa de; Cícero Alves de Lima, 33 anos, natural de Acopiara, solteiro, agricultor, residente no sitio Cosmos, o mesmo confessou o crime e foi conduzido pelo policiamento a Delegacia Regional de Iguatu para serem feitos os procedimentos cabíveis. Vale salientar que o mesmo já responde um; artigo 121 incisos 14 do Código Penal de 22/04/2006 (tentativa de homicídio).


Fonte: Quartel do 10º BPM em Iguatu – CE, 27 de fevereiro de 2019 3SGT PM ARRAIS/ CB PM FLAVIO HOLANDA

Carnaval não é feriado nacional, e seu salário pode ser descontado


O Carnaval não é feriado nacional, e a empresa não tem obrigação de dispensar os funcionários. Quem faltar sem licença pode ter desconto no salário e até advertência. A exceção são algumas cidades, como Rio de Janeiro e Salvador, onde a data é feriado oficial.

Mesmo não sendo nacional, o costume é as empresas liberarem seus funcionários. As folgas geralmente são na segunda, terça e quarta-feira, até o meio-dia. De acordo com o advogado trabalhista Gerson Fastovsky, o indicado é que o empregado confira o calendário do seu município e confirme na sua empresa qual será o esquema.

Ouça o audio no link http://www.cearaagora.com.br/site/carnaval-nao-e-feriado-nacional-e-seu-salario-pode-ser-descontado/ 

Fonte: Ceará Agora

Mega-Sena acumula e prêmio soma R$ 46 milhões


Nenhum apostador acertou os seis números da Mega-Sena, em sorteio realizado na noite dessa terça-feira (26), em Videira/SC. O prêmio desta quinta-feira (28), segundo estimativa da Caixa Econômica Federal será de R$ 46 milhões.

Os números sorteados foram: 11 – 16 – 24 – 46 – 54 e 55.

Também não houve acertador no concurso 4.912 da Quina e o prêmio desta quarta-feira (27) será de R$ 2 milhões, de acordo ainda com a estimativa da Caixa. A aposta mínima custa R$ 1,50. Os números sorteados na noite dessa terça-feira foram: 28 – 32 – 39 – 54 e 58.


Fonte: Agência Brasil

Enel retira fiação de telecomunicação e deixa usuários sem internet em Quixadá e Quixeramobim


A Enel informou que iniciou esta semana uma operação de retirada de fiação irregular de telecomunicação dos postes da companhia nos municípios de Quixadá, Quixeramobim, Banabuiú e Choró.

De acordo com a distribuidora, o objetivo da ação é regularizar toda a estrutura da fiação dos postes do estado e retirar equipamentos que se encontram irregulares. Em estudo realizado pela companhia, em julho de 2017, foi identificado que existiam cerca de 291 mil cabos de telecomunicação e 17 mil postes com irregularidades no Ceará. Atualmente, esse número já chega a aproximadamente 550 mil cabos e mais de 174 mil postes com irregularidades em todo o estado.

Com a retirada da fiação milhares de usuários de várias operadoras de internet ficaram sem sinal para o acesso à rede mundial de computadores, isso está ocasionando muitas reclamações e causando transtornos aos usuários.

Nos perfis dos moradores de Quixadá nas redes sociais, por exemplo, as reclamações são constantes, inclusive com relatos de que a ação da Enel é autoritária pois os fios estão sendo retirados sem o conhecimento das operadoras de telefonia e internet, com isso muitos usuários estão sem o serviço há vários dias, prejudicando o trabalho de pessoas que utilizam a internet no dia a dia.

Fonte: Monólitos Post

MPCE encontra irregularidades em todos os Centros de Treinamento de Futebol da Capital

O Ministério Público do Estado do Ceará (MPCE) realizou vistorias surpresa nas sedes dos Centros de Treinamento (CTs) dos clubes de futebol localizados na capital. Apesar de iniciarem reformas para prevenção de sinistros, nenhum clube visitado está rigorosamente regulamentado com todas as normas de segurança exigidas.

O promotor de Justiça Edvando França estabeleceu o prazo de 15 dias para que todos os CTs se regulamentem com, pelo menos, a apresentação do Projeto de Segurança Preventiva em cada sede, seja profissional seja de base. Por sua vez, os bombeiros interditaram um dos alojamentos da sede administrativa do Ferroviário Atlético Clube pelo excesso de leitos: no local deveriam dormir quatro atletas, mas havia 11 beliches duplas, o que totaliza 22 pessoas acomodadas no espaço. Além disso, as camas se encontravam em um cubículo considerado insalubre e sem rotas de fuga adequadas em caso de ocorrência de acidente.

A partir do grave incêndio que vitimou dez jovens e feriu outros três das divisões de categorias de base alojados nas dependências do Centro de Treinamento (CT) George Helal do clube do Flamengo, denominado Ninho do Urubu, no Estado do Rio de Janeiro, os promotores de Justiça integrantes do NUDTOR têm tomado providências, a fim de que tragédias do tipo não se repitam no Ceará. Neste sentido, as fiscalizações e autuações serão intensificadas até que as irregularidades encontradas nas bases dos clubes e pendências sejam completamente superadas.

Tanto o promotor de Justiça, auxiliado pelo técnico ministerial do Núcleo de Apoio Técnico (NATEC), Flávio Lúcio, quanto os bombeiros vistoriantes encontraram algum progresso em ações paliativas e imediatas; porém, eles constataram muito trabalho a ser feito para a execução e conclusão de todas as normas técnicas de segurança. Por não terem posse da Certificação de Conformidade do Corpo de Bombeiros, todos os clubes continuam irregulares, sendo que o projeto apresentado pelo Ceará Sporting Club já foi aprovado, inclusive com a canalização de água e hidrantes de parede, faltando finalizar a execução para haver a vistoria após o feriado de Carnaval.

Em relação ao Fortaleza Esporte Clube, o projeto foi protocolado no último dia 22 de fevereiro e deverá ser apreciado em até uma semana pelo Corpo de Bombeiros. Dentre melhorias apresentadas, os alojamentos das categorias de base foram equipados com grades móveis nas janelas e com saídas de emergência obedecendo ao fluxo de rota de fuga, em caso de incêndio. Depois de aprovado, o projeto entrará na fase de execução e, por fim, o CT será devidamente vistoriado.

Segundo a equipe técnica dos bombeiros, a condição mais insegura constatada nos CTs de base do Ceará Sporting Clube e do Instituto Fortaleza Esporte Clube (IFEC) e no Ferroviário Atlético Clube diz respeito à parte elétrica, pelo uso recorrente de extensões, multiplicadores de tomadas conhecidos como benjamins e réguas elétricas nos quartos, onde dormem os atletas residentes. O excesso de equipamentos eletroeletrônicos ligados a poucos pontos de energia estão sujeitos a uma sobrecarga, o que pode gerar um acidente por choque elétrico ou até mesmo um incêndio. No entanto, este tipo de mau uso de pontos elétricos não foi observado nos CTs dos clubes do Atlético Cearense, nem do Floresta Esporte Clube.

A visita rotineira aos alojamentos constatou pouca preocupação com acessibilidade pela falta ou insuficiência de rampas de acesso; ausência ou insuficiência de sinalizações e de placas fotoluminescentes e de saída de emergência; ausência de alarmes de incêndio, bem como de extintores de incêndio; ausência ou posicionamento equivocado de iluminação de emergência; instalações expostas, improvisadas ou provisórias de gás de cozinha; infiltrações ou rachaduras nas paredes dos quartos e banheiros; fios expostos em algumas dependências; portas corrediças ou colocadas de forma a impedir o fluxo numa possível situação de emergência; e número de atletas em dormitórios com rota de fuga aquém da capacidade.

Além de todos estes itens de inconformidade mencionados, na sede do CT Profissional do Ceará também foi constatado o posicionamento de um extintor de incêndio suspenso numa parede, mas com acesso obstruído por um banco de praça. Todas as irregularidades foram registradas aos responsáveis pelos clubes e que acompanharam a vistoria, de maneira educativa.

Os Centros de Treinamentos mais precários são os dos clubes do Atlético Cearense e do Ferroviário, sendo que no Atlético as arquibancadas estão deterioradas com ferros expostos e enferrujados, bem como nos alambrados. Todas essas estruturas deverão ser demolidas em razão do risco de desabamento. No Ferroviário, havia ainda lixo exposto na fachada e em áreas internas da sede e escada de acesso sem proteção.

O promotor Edvando França exigiu de todos a apresentação urgente de um cronograma, reiterando o cumprimento do prazo de 15 dias para efetivação do projeto, sob pena de tomada de medidas judiciais cabíveis, inclusive a interdição daquele que estiver em desacordo. O representante do MPCE agradeceu a compreensão dos gerentes e dirigentes dos times e parabenizou pelos casos de progresso na implantação e melhoria das medidas de segurança.

O MPCE visitou, no dia 25 de fevereiro, os CTs do Ceará, em Horizonte, e do Fortaleza, em Maracanaú, e a sede do Ceará no bairro Porangabussu, em Fortaleza. Nesta terça-feira (26/02), foram visitados os CTs do Atlético Cearense, no bairro Precabura; do Floresta, na Vila Manoel Sátiro; do Ferroviário, na Barra do Ceará e a sede do Fortaleza, no bairro Pici, todos em Fortaleza.

Fonte: Ceará Agora

Ambulância tomba e deixa paciente e acompanhantes feridos

Ambulância do município de Itarema, a 208 km de Fortaleza, tombou quando retornava à cidade nesta terça-feira, 26. O veículo havia saído do Hospital Geral de Fortaleza (HGF) com três passageiros, além do motorista.

O condutor não ficou ferido. Outras pessoas que estavam no carro sofreram ferimentos leves. Uma paciente de 75 anos ficou presa nas ferragens e foi resgatada logo em seguida. Ela relatou dores abdominais após o acidente. A filha dela teve luxação no braço esquerdo e lesões no rosto. O esposo da idosa não se feriu.

De acordo com informações repassadas por uma funcionária do Hospital Municipal Nátercia Rios, em Itarema, as vítimas devem ser levadas à unidade de saúde do município, já que não há risco de morte.

REDAÇÃO O POVO ONLINE

Caso Stefhani: suspeito de matar ex-namorada chega ao Ceará


O ex-namorado e assassino confesso de Stefhani Brito chegou ao Ceará na noite desta terça-feira (26). Francisco Alberto Nobre Calixto Filho, de 24 naos, estava foragido desde janeiro de 2018, dias após cometer o crime, e foi encontrado no interior do Pará na última segunda-feira (25) , após investigação policial.

O crime aconteceu no dia 1º de janeiro de 2018. O corpo da jovem de 22 anos foi encontrado nas proximidades da Lagoa Libânia,no Bairro Mondubim, em Fortaleza. Ela foi morta a pauladas. Testemunhas contaram que Stefhani, já morta, foi colocada na garupa de uma motocicleta e levada para o local onde foi achada.

Calixto Filho estava foragido desde o dia 5 de janeiro de 2018. No mesmo dia, a Justiça expediu mandado de prisão preventiva contra ele. Segundo a polícia, o ex-namorado da vítima estava vivendo sozinho no município de Mãe do Rio e usando uma identidade falsa.

Familiares de Stefhani foram ao Departamento de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP) aguardar o suspeito chegar. Mãe e parentes dela esperavam ver Calixto Filho mas, por volta das 23h, foram informados pelos policiais que ele já estava numa unidade prisional do Estado.

“Os policiais disseram que não podem nos repassar detalhes por questões de segurança, mas que ele já está na cadeia”, afirmou Maria Rosilene Brito, mãe de Stefhani. Após saber que o ex-namorado da filha não iria à DHPP, Rosilene chorou e agradeceu aos policiais, que foram saudados com palmas.

Calixto Filho foi monitorado durante uma semana no Pará e, no dia da prisão, tentou fugir, mas foi detido quando tentava se esconder num matagal. Ele confessou o crime e disse que sua intenção era "dar uma pisa", ou seja, bater nela. A motivação, segundo a polícia, era a desconfiança de que Stefhani estava tendo outro relacionamento.


Fonte: G1 Ceará

Na Bahia, empresário leva 'gravata', é expulso de banco e acusa Caixa de racismo


O microempresário Crispim Terral, 34, foi imobilizado por policiais militares da Bahia e retirado à força de uma agência da Caixa Econômica, em Salvador. O caso aconteceu na última terça-feira (19), quando foi a uma agência da Caixa no centro da capital baiana para resolver uma pendência acompanhado de sua filha, de 15 anos.

Ele afirma ter sido tratado com indiferença pelos funcionários do banco e que ficou por mais de quatro horas sentado na mesa do gerente da sua conta aguardando para ser atendido.

Depois da espera, ele dirigiu-se ao gerente-geral da agência para questionar a falta de atendimento. O gerente, contudo, acionou a polícia para retirá-lo à força do banco.

Ele afirma que os policiais o trataram educadamente e convidaram ele e o gerente a resolver o problema na delegacia. O gerente, contudo, teria se recusado a acompanhar os policiais.

Em um vídeo gravado pela filha de Crispim, já na presença dos policiais, o gerente do banco afirma que só iria à delegacia se o cliente fosse algemado e que não negociaria "com esse tipo de gente".


Os policiais, então, imobilizaram Crispim com uma "gravata" – golpe no qual a pessoa é imobilizada pelo pescoço– e o levaram para fora da agência bancária.

Em uma postagem em uma rede social, Crispim criticou a atitude do banco e dos policiais. Disse que foi tratado de forma ríspida e alvo de preconceito racial. "Em nenhum momento eu fui mal educado, grosseiro ou deselegante dentro daquela a agência bancária, mas fui tratado como um bandido", disse Crispim.

Em nota, a Caixa Econômica Federal informou que repudia atitudes racistas e que "até o momento, não foi identificada, por parte de nenhum dos seus empregados ou colaboradores, qualquer atitude de cunho discriminatório".

A Polícia Militar da Bahia afirmou que "houve necessidade de empregar força desproporcional" porque o empresário recusou-se a sair do banco. "Os policiais relataram que o cidadão começou a se exaltar e dizer que não sairia da agência sem ter a sua demanda atendida, contrariando a recomendação das autoridades que intervieram no conflito", informou a nota.

A PM ainda informou que será instaurada uma sindicância para apurar as circunstâncias da intervenção policial. O empresário registrou uma queixa na Corregedoria da Polícia Militar da Bahia.



Fonte: Diário do Nordeste

segunda-feira, 25 de fevereiro de 2019

ZÉ QUARENTA: 75 ANOS DE HISTÓRIAS

Orós e toda região em destaque no programa HORA DA NOTÍCIA, desta segunda 25/02/19 com Josemberg Vieira


DESTAQUES DE HOJE:

  • EXCLUSIVO: Açude Orós tem recarga de 9 centímetros; 
  • Após ser noticiado no Portal Orós piscinão da folia em Orós destaque na impressa estadual; 
  • Açude Castanhão sobe com chuvas do fim de semana; 
  • Resultado do Fies será divulgado nesta segunda-feira; 
  • José Sarto imprime na Assembleia Legislativa a lição “do tempo pra tudo”; 
  • Rio Salgado em Icó recebe neste domingo as águas do Cariri; 
  • Duas mulheres morrem afogadas após salvarem crianças em açude; 
  • Criança de 3 anos morre por conta do coice de um animal na cabeça essas e outras para você ficar bem informado!


Seja o nosso repórter envie sua matéria (88) 9.9422.0106 - SIGA, CURTA, COMPARTILHA! OBRIGADO.


Instagram Josemberg Vieira: https://instagram.com/josembergvieira?utm_source=ig_profile_share&igshid=1vrif50yxvl10

Canal Josemberg Vieira: www.youtube.com/Josembergoros

Canal do Portal Orós: https://www.youtube.com/channel/UCiypqX4tErKL8FY3MvGFYww

Página: https://www.facebook.com/portaloros

Site: www.portaloros.com.br

Açude Castanhão sobe com chuvas do fim de semana


O nível do Castanhão aumentou 5cm, mas ainda é cedo para comemorar

Com as chuvas do fim de semana, o Açude Castanhão subiu 5cm, recebendo um aporte de 2 milhões e 478 mil metros cúbicos. A cota do reservatório passou de 68,84cm para 68,89cm, mas o nível ainda está abaixo de 5% da capacidade, o que ainda preocupa as autoridades.

De acordo com os dados, o aporte de água é bem-vindo, mas ainda insuficiente para que o açude esteja numa capacidade ideal. A assessoria de imprensa da Companhia de Recursos Hídricos (COGERH) fez questão de ressaltar que as chuvas que caíram no fim de semana se concentraram, principalmente, na região litorânea do estado.

O Açude Castanhão abastece seis cidades no Vale do Jaguaribe, atendendo aproximadamente 600 mil habitantes. Além disso, quando é possível, abastece também a Região Metropolitana de Fortaleza, que conta com mais 4 milhões de habitantes. Nesse momento, o Castanhão está com cerca de 3,5% de sua capacidade.

Fonte: Iguatu.net

Rio Ceará invade casas e desabriga 50 famílias da comunidade indígena Tapeba


Apesar de não estar entre as maiores chuvas do Estado, bairros do município de Caucaia foram bastante atingidos com a chuva. Comunidades próximas a rios e riachos ficaram completamente alagadas na manhã deste domingo, 24. Na Comunidade dos Tapebas, em Caucaia, cerca de 50 famílias tiveram as casas invadidas pela água devido à cheia do rio Ceará. A forte chuva provocou alta do rio e a inundação de
residências e ruas.

A Fundação Cearense de Meteorologia e Recursos Hídricos (Funceme) registrou precipitação máxima de 56 milímetros (mm) na Cidade da Região Metropolitana de Fortaleza desde as 7 horas deste sábado até o mesmo horário de domingo. Essa foi a maior chuva do ano da cidade. Os dados foram atualizados às 12h45.

Na casa da dona Francineuda Pereira, 55, a chuva forte sempre invade a parte dos fundos da residência. "Chega água pelo quintal e entra até a cozinha, molha tudo", contou. Mesmo sem chuva forte, no final da manhã de ontem o rio ainda recebia bastante água. A dona de casa Vanuza Pereira, 27, afirma que os alagamentos são recorrentes, no entanto, a água não costuma ser tão alta como neste domingo. No local, as pessoas usaram barcos para transitar entre as casas até a parte mais alta da comunidade.

Outro ponto onde foi registrado bastante alagamento foi no bairro Picuí. Ainda na manhã de ontem, a rua Marcos Couto Bezerra, foi uma das mais prejudicadas. Um riacho transbordou e inundou a via. O torneiro mecânico Bruno Cássio de Sousa, 26, diz que a casa amanheceu tomada por água e que muitos móveis e eletrodomésticos também ficaram molhados.

"Sempre que tem chuva um pouco mais forte a água do riacho transborda na ponte, mas por aqui nunca tinha ficado tão alagado", disse. Ele conta que a chuva ficou mais forte principalmente durante a madrugada deste domingo. No local, veículos atravessaram com dificuldade a ponte.

Felipe Gomes, 33, é proprietário de uma loja de eletrônicos e acessórios para celulares. Conforme ele, diversos materiais foram perdidos com a cheia do riacho. "Cheguei aqui 5 horas da manhã, quando soube que a água estava invadindo as casas, tive que esperar mais ou menos até umas 10 horas, que foi quando a água baixou e deu para abrir". Ele estima que o prejuízo seja de cerca de R$ 2 mil em produtos perdidos.

O POVO

Laboratório de drogas é desativado e homem é preso em Juazeiro do Norte

A polícia desativou um laboratório de drogas e prendeu um homem na Rua Artesão Manoel de Barros, no Bairro Tiradentes, em Juazeiro do Norte, na noite deste domingo (24).

Conforme a polícia, equipes da Ronda de Ações Intensivas e Ostensivas (Raio) foram averiguar uma denúncia anônima de que em uma casa da cidade funcionava um laboratório de produção e distribuição de drogas.

No local, avistaram uma plantação de maconha e quando entraram dentro da residência localizaram duas estufas montadas dentro de um quarto com pés de maconha sendo conservados.

A Polícia Militar apreendeu na residência fertilizantes importados, termômetros, umidificadores, tubos de ventilação, adubos, luzes UV, além de uma moto.

Na ocasião, Rodrigo do Nascimento Souza, 32, foi preso e conduzido para o 20º Distrito Policial, onde será autuado por tráfico de drogas.


Por G1 CE

Resultado do Fies será divulgado nesta segunda-feira


O resultado do Fundo de Financiamento Estudantil (Fies) será divulgado nesta segunda-feira (25) na página do programa na internet. Ele poderá também ser verificado nas instituições de ensino participantes. Ao todo, são ofertadas 100 mil vagas na modalidade juro zero e 450 mil na modalidade P-Fies. As duas modalidades têm apenas uma chamada.

Aqueles que forem pré-selecionados para a modalidade juro zero devem complementar suas informações no FiesSeleção, no endereço eletrônico http://fies.mec.gov.br, no período de 26 de fevereiro a 7 de março de 2019, para contratação do financiamento.

Já os aprovados pelo P-Fies devem verificar os procedimentos com os agentes financeiros operadores de crédito e as instituições de ensino superior.

Na modalidade juro zero, aqueles que não forem selecionados serão incluídos automaticamente na lista de espera. Esses estudantes devem acompanhar sua eventual pré-seleção do dia 27 de fevereiro a 10 de abril, na internet.

Na modalidade P-Fies não há lista de espera.

Fies

O Fies oferece financiamento para cobrir os custos das mensalidades de instituições privadas de ensino superior.

A modalidade de financiamento com juro zero é voltada para os estudantes com renda per capita mensal familiar até três salários mínimos. Nessa modalidade, o aluno começará a pagar as prestações respeitando o limite de renda.

O P-Fies é destinado aos estudantes com renda per capita mensal familiar até cinco salários mínimos. A modalidade funciona com recursos dos fundos constitucionais e de Desenvolvimento e com recursos dos bancos privados participantes.

Podem participar do programa os estudantes que fizeram o Exame Nacional do Ensino Médio (Enem), a partir da edição de 2010, e obtiveram nota média nas provas igual ou superior a 450. Além disso, não podem ter zerado a redação.

Os bolsista parciais do Programa Universidade para Todos (ProUni), ou seja, aqueles que têm bolsa de 50% da mensalidade, podem participar do processo seletivo do Fies e financiar a parte da mensalidade não coberta pela bolsa.


Fonte: Ceará Agora

Chuvas do fim de semana trouxeram aporte para 54 açudes do Ceará


Se para uns é vista como um momento de contemplação da natureza, para outros mais parece uma constante preocupação. A consequência da falta de um planejamento adequado no que diz respeito ao escoamento subterrâneo das águas é refletida no estado caótico que Fortaleza enfrenta nos períodos chuvosos. O último fim de semana foi marcado por fortes chuvas em todas as regiões do Estado. A Capital registrou a maior precipitação do ano, com 120.3 milímetros. O temporal derrubou árvores, alagou túneis e ruas, além de transbordar rios e canais.

Se em Fortaleza houve caos, no interior cearense os sertanejos comemoram os bons índices pluviométricos que trouxeram aporte aos açudes e barragens.

 De acordo com a Fundação Cearense de Meteorologia e Recursos Hídricos (Funceme), choveu em 122 dos 184 municípios do Ceará entre as 7h de sábado (23) e 7h de ontem (24)
.
Os maiores volumes foram verificados na Região Metropolitana de Fortaleza (RMF). Em Pacatuba, choveu 121.3 mm. Na Capital, a instituição registrou 120.3 mm e, em Maracanaú, foram 119 mm. Pela primeira vez neste ano, choveu mais de 100 mm em oito cidades do Ceará.

No bairro Conjunto São Cristóvão, uma viatura do Corpo de Bombeiros caiu em um buraco e ficou presa após desviar de um alagamento. Os moradores afirmaram que o veículo precisou subir no canteiro - porque a Avenida Presidente Costa e Silva alagou, em decorrência da chuva, - ficando preso em um desnível que estava coberto pela água.
Um caminhão-guincho foi usado para tentar remover a viatura, contudo, ele só foi retirado do local com o auxílio da população. No lugar, muitas famílias deixaram as casas.

No bairro Maraponga, o Riacho Martinho transbordou e o asfalto da rua Holanda cedeu. Com a formação da cratera de ontem, a via ficou interditada e os veículos impedidos de passar pelo local. Uma equipe da Autarquia Municipal de Trânsito e Cidadania (AMC) auxiliou os motoristas que trafegavam pela área.

Já na Rua Saquarema, no Conjunto Palmeiras, moradores tiveram dificuldades em transitar após o Rio Cocó transbordar. Depois de alagar a via, a água chegou a invadir casas. A Rua Nossa Senhora das Graças, no Parque Genibaú, foi atingida após o rio Maranguapinho transbordar. Casas foram afetadas e uma árvore caiu.
O canal localizado na Rua 3 Corações, no bairro Bom Jardim, também transbordou. A via ficou totalmente alagada, assim como ruas próximas, e os moradores ficaram ilhados dentro das casas. Após o córrego transbordar, a Avenida João de Araújo Lima, no José Walter, 4ª etapa, foi tomada pela água. Moradores afirmaram, inclusive, estarem receosos com os risco de desabamento de casas. As residências também foram invadidas pela água.

Interior

Já os sertanejos tiveram bons motivos para comemorar. A chuva trouxe aporte hídrico em diversas barragens e reservatórios. Conforme dados da Companhia de Gestão dos Recursos Hídricos (Cogerh), nas últimas 24 horas, houve recarga em 54 açudes. O volume médio dos 155 reservatórios monitorados pela Companhia saltou de 10,64% para 10,90%. Atualmente, cinco estão sangrando (Cocó, Germinal, Maranguapinho, São José I e Tijuquinha) e outros três açudes apresentam capacidade acima dos 90% (Itauna, Jenipapo e São Vicente).

Segundo a Funceme, dois sistemas indutores causaram as grandes chuvas destes sábado e domingo. O primeiro, identificado como Vórtice Ciclônico de Altos Níveis (VCAN), foi o principal responsável pelas precipitações no interior. E o segundo, Zona de Convergência Intertropical (ZCIT), é um fenômeno próximo à costa Norte do Nordeste, que ajudou, inclusive, para acumulados em outros estados do Brasil.

Para hoje e amanhã, a previsão é que haja redução no volume de chuvas em comparação ao fim de semana.

Fonte: Diário do Nordeste