}); PORTAL ORÓS: Caso Stefhani: suspeito de matar ex-namorada chega ao Ceará

quarta-feira, 27 de fevereiro de 2019

Caso Stefhani: suspeito de matar ex-namorada chega ao Ceará


O ex-namorado e assassino confesso de Stefhani Brito chegou ao Ceará na noite desta terça-feira (26). Francisco Alberto Nobre Calixto Filho, de 24 naos, estava foragido desde janeiro de 2018, dias após cometer o crime, e foi encontrado no interior do Pará na última segunda-feira (25) , após investigação policial.

O crime aconteceu no dia 1º de janeiro de 2018. O corpo da jovem de 22 anos foi encontrado nas proximidades da Lagoa Libânia,no Bairro Mondubim, em Fortaleza. Ela foi morta a pauladas. Testemunhas contaram que Stefhani, já morta, foi colocada na garupa de uma motocicleta e levada para o local onde foi achada.

Calixto Filho estava foragido desde o dia 5 de janeiro de 2018. No mesmo dia, a Justiça expediu mandado de prisão preventiva contra ele. Segundo a polícia, o ex-namorado da vítima estava vivendo sozinho no município de Mãe do Rio e usando uma identidade falsa.

Familiares de Stefhani foram ao Departamento de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP) aguardar o suspeito chegar. Mãe e parentes dela esperavam ver Calixto Filho mas, por volta das 23h, foram informados pelos policiais que ele já estava numa unidade prisional do Estado.

“Os policiais disseram que não podem nos repassar detalhes por questões de segurança, mas que ele já está na cadeia”, afirmou Maria Rosilene Brito, mãe de Stefhani. Após saber que o ex-namorado da filha não iria à DHPP, Rosilene chorou e agradeceu aos policiais, que foram saudados com palmas.

Calixto Filho foi monitorado durante uma semana no Pará e, no dia da prisão, tentou fugir, mas foi detido quando tentava se esconder num matagal. Ele confessou o crime e disse que sua intenção era "dar uma pisa", ou seja, bater nela. A motivação, segundo a polícia, era a desconfiança de que Stefhani estava tendo outro relacionamento.


Fonte: G1 Ceará

Nenhum comentário:

Postar um comentário