}); PORTAL ORÓS: Preso com mais de 300 Kg de maconha em Milagres é assaltante no Paraná

quinta-feira, 14 de março de 2019

Preso com mais de 300 Kg de maconha em Milagres é assaltante no Paraná

O ex-presidiário Francesco Rodrigues Pereira, de 23 anos, era o homem que dirigia o Citroen de cor branca e placas do Paraná no qual agentes da Polícia Rodoviária Federal (PRF) de Milagres apreenderam 438 tabletes de maconha pesando cerca de 315 Kg da “erva”. Ele mora na Rua Viela Caruaru (Bairro Eletrosul) em Guaira (PR) e foi autuado em flagrante para responder por crime de tráfico de drogas na Delegacia Regional de Polícia Civil de Brejo Santo.

Logo depois terminou recambiado por policiais civis para a realização de exame cautelar na Perícia Forense de Juazeiro do Norte e trancafiado na Penitenciária Industrial e Regional do Cariri (PIRC) estando à disposição da justiça. Francesco ainda tentou fugir ante a ordem de parada do carro feita pelos policiais rodoviários na BR-116 em Milagres, mas não obteve êxito. A droga estava escondida dentro das portas do veículo, sob os bancos traseiros e no porta-malas.

A origem da droga é do Paraguai e o motorista confessou que entregaria a substância entorpecente num posto de combustível em Fortaleza por cujo “serviço” receberia R$ 10 mil. Na frente do Citroen viajava um Ford Ranger como espécie de guia, cujos ocupantes seguiram adiante. Este outro carro nada tinha de ilícito segundo agentes da PRF do posto de Salgueiro (PE) que o tinham interceptado cerca de uma hora e meia antes.

FAMÍLIA REFÉM – Francesco já tinha sido preso certa vez no dia 20 de outubro de 2015 por policiais civis do Grupo de Diligências Especiais (GDE) da Delegacia de Cascavel (PR) juntamente com outros três comparsas. No Bairro Alto Alegre naquele município eles invadiram uma casa armados quando renderam a dona da residência e o filho dela os quais foram amarrados enquanto os ladrões subtraíam diversos objetos e o veículo da família.

Na manhã do dia seguinte o Fiat Siena foi encontrado abandonado em uma estrada vicinal sem as rodas, a bateria e outros acessórios. Um dos celulares roubado da casa e rastreado foi encontrado com uma menor de 17 anos o qual lhe foi dado de presente pelo namorado da mesma idade igualmente apreendido. Na época, Francesco morava no bairro Canadá, onde foi preso com outro aparelho. Já na casa de Leandro Germano Dias, os policiais encontraram o restante dos objetos. Inclusive,peças e pneus do carro.




Por Demontier Tenório  - Miséria.com.br

Nenhum comentário:

Postar um comentário