}); PORTAL ORÓS: Iguatuense com Síndrome de Down é aprovada em curso superior da Uece

segunda-feira, 29 de abril de 2019

Iguatuense com Síndrome de Down é aprovada em curso superior da Uece


A iguatuense Moliny Késsya Freitas de Abreu, de 18 anos, que nasceu com Síndrome de Down, foi aprovada para cursar Pedagogia na Universidade Estadual do Ceará (Uece), no Campus da Faculdade de Educação, Ciências e Letras de Iguatu (Fecli).

"É uma vitória", destacou a sua mãe e professora Josefa Valdecir Abreu de Freitas.

A educação que lhe foi dada parece ter sido assertiva. Moliny ingressou ainda cedo na escola da Associação de Pais e Amigos dos Excepcionais (Apae) e começou a escrever paulatinamente sua trajetória. Após concluir o ensino fundamental na Apae, a família optou por matricular a jovem no Liceu de Iguatu para cursar o ensino médio.

Em três anos, ela se destacou e surpreendeu o corpo docente da escola. "O que mais me surpreendia nela era a participação em sala de aula. A condição dela nunca foi obstáculo para desempenhar qualquer atividade. Ela conseguia ir além. Até em seminário Moliny se destacava por ter seus trabalhos em dia e muito bem produzidos", expõe a professora Kerly Nunes Bezerra de Amorim.


Portal Orós com informações do DN

Nenhum comentário:

Postar um comentário