}); PORTAL ORÓS: Frentista preso no Cariri com várias armas e até fuzil e um homem que matou mulher em São Paulo

segunda-feira, 10 de junho de 2019

Frentista preso no Cariri com várias armas e até fuzil e um homem que matou mulher em São Paulo

Dois homens acusados ode crimes foram presos neste final de semana na zona rural de Milagres na região do Cariri. Por volta das 17h30min de sexta-feira informações anônimas foram passadas ao Destacamento Militar de Milagres denunciando que um homem possuía armas de grosso calibre em sua casa no Sítio Oitis na zona rural daquele município.

Duas viaturas com os Sargentos Leandro e Silveira e os Soldados Simplício, Rocha, De Morais e Romeo foram ao local encontrando dois homens na calçada de casa identificados como o frentista Francisco Ghylson Ferreira, de 30, e Francisco de Assis da Silva, de 37 anos, apelidado por “Véi”, o qual, segundo informações da polícia, responde por um crime de feminicídio em São Paulo e estava escondido na casa de Ghylson.

No imóvel os PMs apreenderam um revolver calibre 38 e 22 munições, sendo uma deflagrada, duas munições calibre 380, um rifle calibre 22 com luneta e carregador, três caixas de chumbinho calibre 4.5, cinco munições calibre 22, uma espingarda de chumbinho calibre 4.5 com luneta, uma soqueira e 21 armas brancas entre facões, facas e canivetes. Ghylson foi autuado na Delegacia de Brejo Santo por posse de armas, enquanto “Véi” confessou o feminicídio em São Paulo.

VÁRZEA ALEGRE – Momentos antes, policiais militares de Várzea Alegre souberam que, no Sítio Vacaria, um morador guardava armas de fogo em casa. No local, se depararam com o agricultor Luiz Rodrigues da Silva, de 52 anos, e, na sua residência, logo viram gaiolas com dois Golas e dois Campinas. Nas buscas dentro do imóvel, os PMs encontraram três espingardas calibres 12, 20 e 36, dez cartuchos calibre 12 e 36 com alguns deflagrados, 15 espoletas, dois tubos com chumbo e outro com pólvora.




Por Demontier Tenório - Miséria.com.br

Nenhum comentário:

Postar um comentário