quarta-feira, 9 de junho de 2021

Operação internacional de combate à pornografia infantil cumpre mandados no Ceará



Policiais do Ceará, de outros 17 estados brasileiros e agentes de segurança cinco países cumprem, nesta quarta-feira (9), mandados de busca e apreensão em uma operação de combate a crimes de abuso e exploração sexual praticados na internet contra crianças e adolescentes.

Até a manhã desta quarta-feira, quatro pessoas haviam sido presas no Ceará, três em Fortaleza e uma em Juazeiro do Norte.

Segundo a Polícia Civil do Ceará, a ação no Estado faz parte da 8ª fase da Operação Luz na Infância. A ação teve colaboração da Embaixada dos Estados Unidos no Brasil, por meio da Homeland Security Investigations (HSI), que ofereceu cursos, compartilhamento de boas práticas e capacitações.


Prisão de até 8 anos

As penalidades para os crimes investigados variam de 1 a 8 anos de prisão. Quem armazena material de pornografia infantil pode cumprir pena de 1 a 4 anos de reclusão. Já para quem compartilha, a pena prevista é de 3 a 6 anos. A punição para quem produz esse tipo de material é de 4 a 8 anos de prisão.

Ao todo são 176 mandados de busca e apreensão. Além do Ceará, os mandados são cumpridos em São Paulo, Rio de Janeiro, Pará, Espírito Santo, Rondônia, Mato Grosso, Paraná, Goiás, Mato Grosso do Sul, Santa Catarina, Rio Grande do Norte, Alagoas, Piauí, Bahia, Maranhão, Amazonas, Rio Grande do Sul e nos países: Argentina, Estados Unidos Paraguai, Panamá e Equador.


Por G1 CE


Nenhum comentário:

Postar um comentário